Sexta, 24 de Setembro de 2021
24°

Pancada de chuva

Parintins - AM

Saúde Terceira dose

Idosos do Amazonas receberão dose de reforço contra Covid a partir desta quarta (15)

Primeiro, receberão a dose os idosos que vivem em instituições. A partir de sexta (17), imunizante será liberado para todos os idosos de 70 anos ou mais.

14/09/2021 às 09h25
Por: Redação Fonte: G1 Amazonas
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

Manaus irá aplicar a dose de reforço contra a Covid-19 em idosos a partir de quarta-feira (15), anunciou o prefeito David Almeida, nesta segunda-feira (13). A dose de reforço é para aqueles que já tomaram as duas doses da vacina.

Segundo o prefeito, a partir de quarta, poderão receber a dose todos os idosos, que vivem em instituições, de 70 anos ou mais. Na sexta-feira (17), o imunizante será liberado para todos os idosos de 70 anos ou mais.

Serão contemplados todos os idosos de 70 anos ou mais que receberam as duas doses de qualquer imunizante utilizado em Manaus (CoronaVac, AstraZeneca ou Pfizer), desde que a segunda dose tenha sido aplicada há, no mínimo, seis meses.

Inicialmente, a dose de reforço será feita, conforme orienta o MS, com o imunizante Pfizer, independentemente do tipo de vacina recebida anteriormente.

Os pontos de vacinação para esse público e os horários de atendimento serão definidos pela Semsa até esta terça-feira (14). De acordo com dados da Semsa, os idosos que receberam as duas doses da vacina contra a Covid-19 somam 68,8 mil pessoas em Manaus.

Os acamados, assim como os idosos das instituições de longa permanência, receberão as equipes de vacinação em seus locais de moradia. Como essa população já tem cadastro, basta aguardar o contato das equipes da Semsa para o agendamento.

Conforme a Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), o órgão contabiliza 23.154 imunizantes da Pfizer, quantidade a ser somada a 91.260 doses desembarcadas na capital nesta segunda-feira, totalizando 114.414 doses.

A remessa desembarcou, por volta das 14h45, no Aeroporto Internacional de Eduardo Gomes. De lá, o lote foi escoltado até a Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam), lugar que oferece acondicionamento adequado as doses em temperatura a -86ºC, em freezer científico.

Interior do Amazonas

O governador Wilson Lima anunciou que a dose de reforço, nos demais municípios do Amazonas, será aplicada em idosos acima de 70 anos, idosos de qualquer faixa etária abrigados em unidades de longa permanência e imunossuprimidos, incluindo transplantados.

Imunossuprimidos em Manaus

Além dos idosos, o Ministério da Saúde liberou a dose de reforço para as pessoas com alto grau de imunossupressão, incluindo quem tem imunodeficiência primária grave, os que fazem quimioterapia para câncer, os transplantados de órgãos sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras e as pessoas vivendo com HIV/Aids e CD4.

Para estes, a dose de reforço será aplicada 28 dias após a conclusão do esquema vacinal, mas a Semsa ainda vai definir a data em que eles começam a ser vacinados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Parintins - AM Atualizado às 05h56 - Fonte: ClimaTempo
24°
Pancada de chuva

Mín. 24° Máx. 30°

Sáb 30°C 23°C
Dom 30°C 24°C
Seg 30°C 24°C
Ter 32°C 24°C
Qua 37°C 25°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias