Domingo, 13 de Junho de 2021 07:53
92 985461091
Política EMBATE

Governo joga pesado contra CPI da Covid

Conseguir o silêncio dos depoentes na CPI da Covid no Senado é uma estratégia que em princípio frusta a Comissão, mas pode ter efeito reverso expondo as mazelas no enfretamento da pandemia protagonizada pelo governo federal

17/05/2021 21h47
Por: Eduardo Gomes

O Governo Bolsonaro ao conseguir através da AGU (Advocacia-Geral da União) o salvo conduto para o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ao comparecer à CPI da Covid do Senado demonstra com todas as letras que vai tentar usar todos os meios para obstruir os trabalhos da Comissão criada para investigar ações e omissões do Governo no enfrentamento da Pandemia. Obter através da Justiça que seus subalternos fiquem em silêncio é uma das estratégias. Tanto que a secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES) Mayra Pinheiro, a “Capitã Cloroquina” ingressou no domingo com habeas-corpus também no STF (Supremo Tribunal Federal).

O depoimento do ex-secretário de Comunicação, Fabio Wajngarten, acendeu a luz vermelha. Durante a oitiva, embora criticada pelos senadores, Wajngarten deu mais munição à CPI. Entregou cópia da carta da Pfizer, cobrando resposta sobre as negociações da vacina e da existência do “Ministério das Sombras”, um gabinete paralelo que age dentro do Palácio do Planalto à revelia do Ministério da Saúde.

O primeiro sinal foi dado pelo ex-ministro Nelson Teich ao revelar que o governo tinha pronto uma minuta de decreto para mudar a bula da hidroxicloroquina, incluindo o tratamento contra a Covid, confirmado pelo diretor-presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antonio Barra Torres.

As revelações colocaram o Governo Bolsonaro na defensiva. Com sua popularidade derretendo comprometendo seu projeto de poder, o presidente Jair Bolsonaro partiu para o vale-tudo em várias frentes. E uma delas é obter do STF que tanto ataca, salvo condutos para seus apaniguados, como é o caso de Pazuello e a “Capitã Cloroquina.

Em movimentos paralelos estimula as manifestações a seu favor nos finais de semana, visita redutos de adversários para manter aglutinados seus seguidores como a que ocorreu na quinta-feira passada, ameaças de retaliações dentre outras manobras.

O Presidente sabe que seu Governo apostou errado na estratégia de enfrentamento da pandemia. A crise econômica se acentuou e elevada perda das mais de 430 mil vidas decorrentes da pandemia e sabe que o custo político de suas ações e omissões está cobrando caro a 503 dias das eleições em primeiro turno.

Mesmo sendo consciente dos erros, ele prefere apostar no confronto aberto, ao invés de corrigir os rumos do enfrentamento da maior crise sanitária da história do País e procurar medidas eficazes contra a crise econômica e o crescente aumento da inflação.

Extinção — O presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), deputado Roberto Cidade (PV) enviou ofício à desembargadora do TJAM (Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas) pedindo que a ação impetrada pelo deputado Dermilson Chagas seja extinta.

Dermilson ingressou em abril com um mandado de injunção, para o TJ determine um prazo para a Mesa Diretora da Aleam aprecie todos os pedidos de impeachment contra o governador Wilson Lima (PSC). Ao todo são 15 pedidos de impeachment contra o governador protocolados na Assembleia.

Investigados — Cinco governadores estaduais estão sob investigação do STJ (Superior Tribunal de Justiça) suspeitos de irregularidades na aplicação de recursos federais na pandemia. O quinteto é formado pelos governadores do Amazonas, Wilson Lima (PSC); da Bahia, Rui Costa (PT); de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo); do Pará, Helder Barbalho (MDB), e de São Paulo, João Doria (PSDB). É o que consta no ofício enviado pelo procurador-geral da República, Augusto Aras ao presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM). Excluindo Wilson Lima, os demais são vistos como adversários do presidente Jair Bolsonaro.

Celeridade — Não será surpresa se o governador do Amazonas, Wilson Lima ser o primeiro a ir para a guilhotina do STJ. Além do processo da compra de respiradores, ele tem contra si outro processo, o do hospital de campanha. No caso dos respiradores o processo tem tramitado de forma incomum dada a impressionante celeridade.

Senador cloroquina — Membro titular da CPI da Covid, o senador Luis Carlos Heinze chamou os holofotes da imprensa para si em entrevista no Senado para anunciar ter solicitado ao diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Gustavo Maiurino, um pedido de investigação sobre o uso elevado da hidroxicloroquina, em Manaus, no início da pandemia, em março de 2020.

Heinze que é agrônomo, se notabilizou na CPI pela sua defesa messiânica pelo uso da hidroxicloroquina, baseando-se em estudos duvidosos de pouca ou nenhuma credibilidade.

Ele fez anúncio no mesmo dia em que o Ministério da Saúde recebeu o resultado de um estudo realizado por um grupo coordenado pelo Ministério, contraindicando o uso de cloroquina, azitromicina, invermectina e outros medicamentos sem eficácia utilizados em pacientes internados acometidos de Covid-19.

Carta-branca não — A filiação do presidente Jair Bolsonaro ao PRTB partido do vice-presidente Hamilton Mourão melou. A atual presidente do partido Aldineia Fidelix, viúva do fundador da legenda Levy Fidelix, não aceitou a imposição do Presidente em ter carta-branca no partido. O partido é comandado nacionalmente pela viúva do fundado e seus filhos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Jogo do Poder
Sobre Jogo do Poder
Tudo sobre os Bastidores do Poder e da Política na ótica do Jornalista Eduardo Gomes.
Parintins - AM
Atualizado às 08h51 - Fonte: Climatempo
25°
Poucas nuvens

Mín. 20° Máx. 31°

25° Sensação
9.8 km/h Vento
69.8% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (14/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (15/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias