Domingo, 17 de Janeiro de 2021 02:48
92 98856-3549
Esportes Brasileirão

Botafogo perde mais uma e encaminha destino a série B

Athletico vence o Botafogo e afunda Alvinegro na zona de rebaixamento do Brasileirão Felicidade de um lado e aflição do outro,

06/01/2021 20h12
Por: Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O ano de 2021 começa de uma forma muito diferente para torcedores de Botafogo e Athletico Paranaense. Nesta quarta-feira, o Furacão bateu o Alvinegro por 2 a 0 no Estádio Nilton Santos, em partida válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Renato Kayzer e Léo Cittadini balançaram as redes.

Assim, o drama contra a Série B continua para o Botafogo. Na 19ª colocação, a equipe comandada por Eduardo Barroca continua com 23 pontos e não diminui a diferença para tentar sair da zona de rebaixamento - atualmente em cinco pontos, mas que ainda pode ser aumentada de acordo com o decorrer da rodada.

O Furacão chegou a 37 pontos e subiu para a 10ª posição na classificação - ainda podendo descer com os seguintes jogos da 28ª rodada. Desta forma, o Athletico Paranaense começa a olhar para a parte superior da tabela: são sete pontos de diferença para o Palmeiras, primeiro clube no G6.

As equipes não terão muito tempo para descansar. O Botafogo volta aos gramados já no próximo domingo para enfrentar o Vasco, às 20h30, em São Januário, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Um dia antes, às 19h, o Athletico Paranaense também terá um clássico: pela frente medirá forças com o Coritiba no Couto Pereira.

TOMA LÁ DA CÁ

A partida começou equilibrada, com cada equipe tentando exercer o próprio estilo de jogo. O Botafogo tinha maior posse de bola e tentava pressionar o Athletico Paranaense, que respondia com jogadas de contra-ataque e saídas em velocidade pelos lados do campo.

O Furacão assustou logo aos 12 minutos de jogo, quando Renato Kayzer acertou a trave após cabeçada em uma cobrança de escanteio. Não demorou muito para o Botafogo responder, quando Kalou recebeu com liberdade na área, limpou a defesa, mas finalizou por cima do gol de Santos. Os dois times, portanto, tiveram chances reais de marcar ainda no primeiro terço da etapa.

NA SEGUNDA VEZ...

O Botafogo tinha a bola por mais tempo, mas o Athletico soube o que fazer melhor com a posse. Em um lance de transição rápida, o Furacão aproveitou a defesa atrapalhada do Alvinegro e Carlos Eduardo cruzou para Renato Kayzer, que, no meio dos dois zagueiros, teve apenas o trabalho de empurrar para o fundo das redes, abrindo o placar.

AH, KALOU!

O gol do Furacão não acuou o Botafogo. Pelo contrário, a equipe comandada por Eduardo Barroca continuou com a bola no pé e, diferente de antes, passou a criar chances reais de gol na reta final do primeiro tempo. Salomon Kalou mesmo desperdiçou duas.

Na primeira, logo após o gol do Athletico, Bruno Nazário cobrou falta na direção da área, mas Kalou, sozinho, errou a direção da bola. Na outra, o marfinense finalizou para fora de frente para o gol após um cruzamento vindo do lado esquerdo. Desta forma, o Furacão foi em vantagem para o intervalo.

RELÂMPAGO!

Se o Botafogo saiu de campo empolgado pelas chances criadas no fim do primeiro tempo, tomou um balde de água fria no começo da etapa complementar, já que o Athletico Paranaense aumentou a vantagem com apenas três minutos de bola rolando.

Renato Kayzer saiu da área, fez jogada pelo lado esquerdo e cruzou. Carlos Eduardo disputou com Kanu na pequena área e a bola sobrou no meio do setor para Léo Cittadini, que, sem marcação, deslocou Diego Cavalieri e saiu para o abraço.

POUCAS EMOÇÕES

Após o gol, Eduardo Barroca promoveu alterações ofensivas no Botafogo, mas o goleiro Santos continuou sendo pouco exigido durante a partida. O Alvinegro até tentou ensaiar uma pressão no fim, mas, em geral, teve uma ínfima criação nos últimos 45 minutos. Melhor para o Athletico Paranaense, que conquistou uma vitória importante para visar a parte superior da classificação.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Parintins - AM
Atualizado às 03h34 - Fonte: Climatempo
25°
Muitas nuvens

Mín. 22° Máx. 33°

25° Sensação
4.4 km/h Vento
63.9% Umidade do ar
67% (9mm) Chance de chuva
Amanhã (18/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Terça (19/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 30°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias