Quarta, 27 de Janeiro de 2021 18:49
92 985461091
Política JOGO DO PODER

Prefeito Marcelo Crivella é preso

Prisão de Crivella é mais uma mostra no qual a corrupção no Rio de Janeiro é sistêmica

22/12/2020 10h02
Por: Eduardo Gomes
Prefeito Marcelo Crivella é preso

Mais um governante do Rio de Janeiro bate com os costados na cadeia. A nove dias do fim de seu mandato considero o mais desastroso na história da Prefeitura do Rio de Janeiro, o bispo da Igreja Universal e prefeito do Rio derrotado nas últimas eleições, Marcelo Bezerra Crivella (Republicanos), foi acordado na manhã desta terça-feira, com a força-tarefa do Ministério Público e da Polícia Civil do Rio de Janeiro, com voz de prisão. Sua detenção é fruto das investigações do “QG da Propina”, um esquema de corrupção montado dentro da Riotur, conforme delação do doleiro Sérgio Mizrahy preso no ano passado na operação “Câmbio, Desligo”. A prisão de Crivella foi determinado pela desembargadora Rosa Helena Penna Macedo Guita. Além de Crivella foram presos o homem de confiança do Rafael Alves, o delegado aposentado Fernando Moraes. O ex-suplente de senador Eduardo Benedito Lopes, que também teve prisão decretada está em Belém (Pará) e prometeu se apresentar na Justiça. Crivella segundo a desembargadora é o “chefe da organização criminosa” instalada na Prefeitura do Rio de Janeiro. A justiça expediu sete mandatos de prisão.

A volta do Anzol

Prefeito eleito do Rio de Janeiro Eduardo Paes: previsão de Crivella se transformou na "volta do anzol"

 

A prisão de Marcelo Crivella é a famosa volta do anzol. Candidato derrotado à reeleição no segundo turno contra Eduardo Paes (DEM), Crivella nos debates repetiu seguidas vezes um mantra contra Paes, afirmando que ele seria preso devido suas ligações com o ex-governador Sérgio Cabral (MDB), condenado a mais de 200 anos por corrupção no Governo do Rio de Janeiro. Eduardo Paes deve estar rindo pelas paredes com a prisão do prefeito.

Doce sabor da vingança

Demonizada por Crivella, cujo líder da Igreja Universal Edir Macedo é o dono da principal concorrente, Rede Record, a Rede Globo acompanhou os policiais e representantes do Ministério Público na prisão do Prefeito. Prato cheio hoje nos noticiários da vênus prateada.

Prefeito das Milícias

Marcelo Crivella adotou práticas das milícias do Rio de Janeiro. Contratou servidores para vigiarem as portas dos hospitais e centros de saúde para evitar que a população denunciasse os péssimos serviços. Os milicianos interferiam nas entrevistas de forma acintosa e ameaçadora contra jornalistas principalmente da Rede Globo. Crivella adotou a mesma prática adotada pela Igreja Universal na década de 90, a de colocar “obreiros-milicianos” para impedir a ação da imprensa no interior dos templos da Universal.

Aliado nas grades

Presidente Bolsonaro é atingido com a prisão de Marcelo Crivella (D)

 

Indiretamente a prisão de Marcelo Crivella atinge o presidente Jair Bolsonaro de quem era aliado. O presidente apoiou o Prefeito no primeiro turno. Diante da derrota fragorosa no primeiro turno em São Paulo, quando seu candidato, Celso Russomano não passou do primeiro turno, Bolsonaro procurou evitar demonstrar apoio explícito a Crivella no segundo turno.

Corrupção sistêmica

Quatro governadores presos, um governador afastado e agora a prisão do prefeito em fim de mandato, Marcelo Crivella. A corrupção está entranhada no Rio de Janeiro há décadas. Parece não ter fim.

Perdeu capitão...

O presidente Jair Bolsonario (sem partido) gravou vídeo de apoio ao candidato a prefeito de Macapá, capital do Amapá, Josiel Alcolumbre (DEM), irmão do presidente do Senado, Davi Alcolumbre. Não deu outra: de líder nas pesquisas em primeiro turno, Josiel derreteu. O eleitorado macapaense optou por eleger Dr. Furlan (Cidadania). Dos 14 candidatos a prefeitos apoiados explicitamente por Bolsonaro, 12 foram derrotados na urna, incluindo aqueles que disputaram as eleições nas principais capitais, Rio, São Paulo e Minas Gerais.

Pensamento da casta

O que o coordenador da força-tarefa Greenfield, o procurador de Justiça Celso Antônio Três, expressou ao propor o envio das investigações para a Polícia Federal, não é de causar surpresa. Ao declarar que “decididamente, não estou aqui para trabalhar muito”, Celso Antônio verbalizou o pensamento de parte da elite do judiciário tem em relação ao País. Herança dos tempos de D. João VI.

Será que vai?

O prefeito eleito de Manaus, David Almeida (Avante) repetiu o mantra de vários de seus antecessores ao afirmar que vai abrir a caixa preta do transporte coletivo. Será que vai mesmo?

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Jogo do Poder
Sobre Jogo do Poder
Tudo sobre os Bastidores do Poder e da Política na ótica do Jornalista Eduardo Gomes.
Parintins - AM
Atualizado às 19h40 - Fonte: Climatempo
26°
Muitas nuvens

Mín. 23° Máx. 29°

27° Sensação
3.1 km/h Vento
72.5% Umidade do ar
90% (12mm) Chance de chuva
Amanhã (28/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 31°

Sol com muitas nuvens e chuva
Sexta (29/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 30°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias