Quarta, 30 de Setembro de 2020
92 991739585
Eleições 2020 Eleições 2020

Fernanda Butel disputa uma das vagas a Câmara Municipal de Parintins

Fernanda é cientista política, ex-diretora do Centro de idiomas Aldair Kimura Seixas, pedagoga e especialista em gestão pública

16/09/2020 08h57 Atualizada há 2 semanas
Por: Redação
Fernanda Butel concorre ao cargo de vereadora. Foto: Divulgação.
Fernanda Butel concorre ao cargo de vereadora. Foto: Divulgação.

Josias Silva | Especial CNA7

Parintins – A legislação eleitoral nos últimos anos, no Brasil, tem sido mais eficaz na contribuição para que a mulher esteja mais presente na política  e essa é uma das lutas da professora Fernanda Butel que construiu sua trajetória com muito trabalho, mas sempre acreditou em suas convicções e lutou pelo posicionamento da mulher  na sociedade. De opinião formada, sem ser do tipo que se contamina pela opinião dos outros ela concedeu entrevista a Central de Notícias da Amazônia (CNA7) contando um pouco de sua história.

 CNA7: Quem é Fernanda Butel?

Fernanda Butel: Nasci no Distrito de Terra Preta do Limão – Município de Barreirinha. Sou filha de Fernando Vieira Butel, já falecido no ano 2015, torneiro mecânico da Francesa, músico, saxofonista e violonista nas horas vagas e Raimunda Belém Andrade, dona de casa, ministra da eucaristia na Igreja de Lourdes. Vim para Parintins ainda criança, para que pudesse ter a oportunidade de estudar, depois fui para Manaus morar com minha tia, Dona Lourdes, carinhosamente chamada de Tia Maroca a quem tenho muita gratidão pela oportunidade que tive  de continuar meus estudos e assumir uma profissão com zelo e responsabilidade.

De volta a Parintins para dar um novo rumo à minha vida fiz duas faculdades, Ciências Políticas e Pedagogia, ambas pela UEA e me especializei em Gestão Pública. Estive a frente da Biblioteca Municipal Tonzinho Saunier e da escola de Idiomas Aldair Kimura Seixas, onde desenvolvi um trabalho de excelência junto a todo corpo de funcionário.

Desde cedo aprendi a lutar pelos meus objetivos. Nossa família era extremamente humilde, e nós não tínhamos outra escolha na vida a não ser estudar, e foi o que fizemos, agarramos todas as oportunidades que nos era dado, e nossos pais prezaram sempre por isso, aprendemos desde criança que se a gente quisesse uma vida melhor e mais confortável, a gente precisaria correr atrás disso, estudando, trabalhando, e assim foi feito.

CNA7: O que te motivou a pleitear uma vaga na câmara municipal?

FB: Bem, eu sempre fui engajada politicamente, preocupada com rumos que nosso país tem se direcionado, acho importante expor de maneira educada e coerente nossas opiniões políticas, mas nunca pensei em me lançar como candidata, o universo político é muito dinâmico, e por horas extremamente corrompido, acho importante citar isso, pois é a verdade, porém, a política boa existe, existem bons políticos, e no pleito local de 2020 existem muitos candidatos bons, mas infelizmente falta oportunidade, e falta também por parte de muitos eleitores consciência política para fazer suas escolhas, baseado no que é correto e não usar seu voto como moeda de troca. Então recebi o convite, e por dias pensei bastante, dividir minhas angústias com a minha mãe que tudo sabe e me aconselha, ela me deu apoio e disse para eu ir com fé e entregar nas mãos de Deus, se eu queria isso, então que eu fosse atrás desse sonho que hoje é motivado pela vontade de colocar em prática os meus pensamentos, minhas opiniões, meu conhecimento, lutar pelo que eu acredito e fazer a diferença. Sei que será difícil, mas eu irei trabalhar para isso. Chega um ponto da nossa vida que só criticar e cobrar já não cabe, é preciso fazer, conhecer, e eu quero conhecer e poder fazer o que estiver ao meu alcance para trabalhar e dentro das possibilidades melhorar a vida de todos nós parintinenses.

Fernanda consulta sempre a mãe Raimunda Belém Andrade sobre suas ações. 

 

CNA7: Como vê a participação da mulher na política?

FB: Historicamente a participação das mulheres na política brasileira e local é muito tímida. Foram poucas em nosso município que chegaram a assumir uma cadeira na Câmara, dou destaque a elas e parabenizo pela coragem, pela ousadia e pelo trabalho realizado. Ser mulher ontem e hoje é um ato de coragem, você precisar lutar para tudo, você precisa lutar para não ser agredida, você precisa lutar para não ser estuprada, violentada, você precisa se auto afirmar o tempo todo, você sobrevive num dos países que mais mata e estupra mulheres. Temos um quadro comparativo extremamente desigual entre homens e mulheres, na política isso fica mais evidente ainda. As mulheres têm uma participação extraordinária nos movimentos sociais, nas mudanças que melhoraram a nossa vida, conquistamos o direito de votar, conquistamos o direito de sermos donas das nossas próprias vidas, e precisamos evidenciar isso, protagonizar as nossas histórias. Temos apenas duas mulheres hoje na Câmara e isso precisar acabar, a igualdade entre homens e mulheres é um instrumento da democracia que precisa ser efetivado, e para isso precisamos que as mulheres queiram, pois somos nós, e somente nós que conhecemos nossas dores, nossas lutas, somos nós que sabemos quais políticas públicas devem ser viabilizadas.

 CNA7 -  Como você poderá fazer a diferença no poder legislativo?

FB - Eu acredito que cumprindo de maneira correta a missão que tem o vereador que é de legislar, fiscalizar, sugerir situações de melhorias e representar a população. O vereador tem essas atribuições que resumidamente são de interesse do povo, o vereador é esse porta voz, é ele que tem essa responsabilidade pelo qual muitos depositam sua confiança. Neste sentido, eu reafirmo, caso eleita eu irei cumprir com essa missão. Temos muitas situações que precisam da atenção do poder legislativo e vamos buscar juntos, soluções, pensando sempre na coletividade.

 CNA7 – Como tem sido a recepção ao seu nome?

FB- Primeiramente preciso agradecer todas as mensagens que tenho recebido, todo apoio da minha família, parentes e amigos. Não imaginava que seria tão positivo esse momento. Dizer ao eleitor para que ele repense, tenha consciência da importância do voto e de dá oportunidade para aqueles que buscam representá-los na Câmara Municipal. Reafirmar meu compromisso como cidadã e cumprir caso eleita a função de legislar com humildade, sabedoria e ética. Eu estou muito engajada, muito feliz em participar deste momento e poder fazer a diferença em nosso município.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Parintins - AM
Atualizado às 19h32 - Fonte: Climatempo
29°
Pancada de chuva

Mín. 23° Máx. 34°

28° Sensação
9.3 km/h Vento
31.2% Umidade do ar
90% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (01/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sexta (02/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias